quarta-feira, 24 de julho de 2013

A Esperança - Suzanne Collins (Resenha)

Encontre o Livro
Bom Dia Pessoal. Hoje eu falo o que achei do último e mais esperado volume da série Jogos Vorazes. O livro é composto por três títulos, deixarei os links das resenhas anteriores abaixo:



2 - Em Chamas



3 - A Esperança 


Editora: Rocco (Jovens Leitores)
Edição: 1


Ano: 2011
Páginas: 424

Tradução: Alexandre D'Elia




O material a seguir contém spoilers dos livros anteriores, EXCETO O TÓPICO "COMENTÁRIOS"!


Sinopse: Depois de sobreviver duas vezes à crueldade de uma arena projetada para destruí-la, Katniss acreditava que não precisaria mais lutar. Mas as regras do jogo mudaram: com a chegada dos rebeldes do lendário Distrito 13, enfim é possível organizar uma resistência. Começou a revolução.

A coragem de Katniss nos jogos fez nascer a esperança em um país disposto a fazer de tudo para se livrar da opressão. E agora, contra a própria vontade, ela precisa assumir seu lugar como símbolo da causa rebelde. Ela precisa virar o Tordo.

O sucesso da revolução dependerá de Katniss aceitar ou não essa responsabilidade. Será que vale a pena colocar sua família em risco novamente? Será que as vidas de Peeta e Gale serão os tributos exigidos nessa nova guerra?

ENREDO

Paramos no fim do Massacre Quaternário, na arena Katniss se alia a alguns vencedores de outro distritos que na verdade foram para lá com o intuito de incitar uma revolução. Salvo por a garota e Peeta, todos sabiam para que estavam ali, o que acarreta séries consequências tanto a eles como ao demais Distritos e indivíduos.

O Distrito 12 foi destruído, nada se salvou do local onde Katniss viveu. Umas poucos pessoas conseguiram fugir a tempo, entre elas Gale, Prim e a sua mãe. Peeta fora capturado pela Capital e Katniss terá que decidir se levará o levante adiante - se pronunciando como o Tordo, símbolo da guerra - ou deixará o comando com o Distrito 13, agora seu novo lar.

COMENTÁRIOS

Eu esperava muito desse livro, o volume anterior acabou num Cliffhanger (gancho) sufocante, mas não consegui gostar tanto dessa vez.

Assim como é visto nos anteriores, esse livro é dividido em três partes:

I. "As Cinzas"
II. "O Assalto"
III. "A Assassina"

A principio a leitura sempre é mais introdutória, sem muitas emoções... E simplesmente não sabia o que opinar sobre ele, mas com o passar das páginas me senti perdido.

Tudo acontecia muito rápido, ficou difícil acompanhar e visualizar o que a autora queria mostrar. Ela utiliza muitas aberrações criadas pela Capital e acontecem muitas mortes e destruição - sabe aquelas livros que você tem que voltar um parágrafo pra tentar entender o que aconteceu? esse foi um exemplo - Fiquei em luto por causa de alguns personagens mas ainda não tinha ideia do que viria pela frente.

Pensava que nada de pior poderia acontecer e cometi um erro tremendo. Em nenhum momento a leitura é previsível, todavia me questiono se precisava mesmo de tudo isso. Claro que Suzanne quis fugir do padrão, criando uma hostilidade maior na história e tudo mais, porém não me convenceu falar o livro inteiro de guerra e finalizar as duas últimas páginas (literalmente) com o romance entre Katniss e seu escolhido.

De todo não é um livro ruim, mas para quem deu 5 estrelas nos dois últimos, pode se decepcionar um pouco com esse. Essa é uma questão delicada, cabe a você ler o livro e tirar suas próprias conclusões. Em geral, a classificação está para alta no Skoob, porém (não me batam) aqui está a minha:

3,5 estrelas
Acima da escala Bom. 3,5 estrelas

O QUE ESPERAR DO LIVRO

Aflição, Guerra e crueldade. 

O dilema Gale-Peeta é pouco explorado, embora aqui se tenha o desfecho do triângulo amoroso. O companheirismo entre Gale  e Katniss está mais forte e a relação dela com Peeta está mais abalada que nunca, isso por que o garoto foi 'telesequestrado' pela Capital.

A própria protagonista está desnorteada e sentimos isso à medida que nos envolvemos com a história. Achei um disparate a morte do personagem que deu o ponta-pé inicial do livro, e vocês? (Quem leu sabe do que estou falando). 

CURIOSIDADES

Reparei com essa última leitura que todas as capas traz um significado oculto...

Fonte: Psychobooks

Vol. 1 - Apresentação do Tordo. Ele é a representação de Katniss na arena, o qual sua melhor amiga Madge lhe deu antes dos Jogos se iniciarem.

Vol. 2 - O broche, converte-se a um pássaro real mostrando que Katniss finalmente se revelou a Capital. Em contrapartida, o pássaro está sob mira e diz que qualquer passo em falso poderá ser o fim.

Vol. 3 - Representa a revolta. O tordo se liberta e não mais fica sob a mira da Capital, perceba que os detalhes do círculo que envolvem o pássaro foram quebrados e ele se mantém com as asas abertas.

Minha capa preferida é a segunda e a de vocês?

Não conseguir entender que significado tem para a história o título desse livro, pois a versão original chama-se "The Mockingjay" (nome fictício, conhecido para nós como o Tordo). Deveria permanecer a tradução literal que traria mais curiosidade ao leitor.

Deixe seu comentário dizendo se já leu o livro, sua opinião e expectativas. ;)


Comente com o Facebook:

18 comentários:

  1. Clóvis!

    Eu amo essa trilogia e, por isso, sou muito suspeito pra falar sobre ela. Esse ultimo livro destruiu meu coração. Apesar de ser um pouco mais lento, eu o adoro. Sério. Chorei tanto :( Ótima resenha.

    Abraços,

    Igor Gouveia
    http://www.diariodebordodeumleitor.com/

    (Espero seu comentário lá)

    ResponderExcluir
  2. Minha capa preferida é a terceira...

    Assim como o livro hahaha

    Finalmente a revolta chegou hauhauhaa

    Segui o blog :)

    Beijinhos, Paula

    http://psicosedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Virgínia Gonçalves24 de julho de 2013 15:37

    Assim como você também tive esse sentimento meio de "perdida" nesse terceiro livro. Depois de um segundo livro excelente esperava mais de "A Esperança". Também fiquei triste e achei desnecessária algumas mortes :~ Achei também que ela deveria ter colocado mais romance nos livros. Mas ainda assim AMO The Hunger Games e sou super órfã da trilogia hahaha

    beijos.

    http://olivrodasemana.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  4. Oi Igor, antes de ler vi muita gente falando sobre as lágrimas e moção advinda da história mas não cheguei a esse ponto, ao invés de chorar quis jogar o livro para o alto e bater na autora, haha. Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Oi Paula. Acho que esse livro é uma relação de amor e ódio entre os leitores, ou você gosta ou você detesta. Obrigado por me visitar, Abraços!

    ResponderExcluir
  6. Foi justamente o que pensei Virgínia, que faltou um pouco mais de romance (mesmo diante da guerra) como foi visto nos anteriores. Em resumo, pensamos igual rsrs. Também adoro a saga, Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Obrigada por desvendar os mistérios das capas, até então, para mim. "Serviço de utilidade ao leitor". Fico com o primeiro livro em relação a tudo, capa, enredo, personagens ... Abraços.

    ResponderExcluir
  8. "Serviço de utilidade ao leitor" estamos aqui para isso! rsrs. O primeiro livro é mesmo bem singular, foi uma dúvida cruel que tive entre ele e o segundo. Um abraço! ;)

    ResponderExcluir
  9. A resenha está ótima e muito bem estruturada. Adorei saber sobre o significado das capas. Esta distopia é uma das minhas prediletas. Eu acho que a autora surpreende a cada momento. Minha nota para ela é 5 estrelas. Mas gostei muito da sua opinião.

    Abraços,

    Gisela

    @lerparadivertir

    LerparaDiverir

    ResponderExcluir
  10. Oi Gisela. Obrigado pelo comentário. A Trilogia em si é ótima mesmo, a meu ver só pecou um pouco por conta desse último livro, mas a escrita da autora prossegue primorosa. Que bom que gostou =) Abraços!

    ResponderExcluir
  11. Eu sou mesmo meio do contra... esse é o livro que mais me agradou na trilogia! Achei que a autora exagerou em alguns momentos, mas é o livro que mais mostra a parte distópica - então realmente conseguiu me agradar mais.


    Beijos,
    Nanie

    ResponderExcluir
  12. Nanie, fico derrotado quando vejo tanta destruição. O que a autora quis passar foi ótimo, sou eu quem não consegue gostar desse cenário catastrófico (como em 'Garotas de vidro' que não consegui dar 5 estrelas). Meu preferido segue sendo o segundo. Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Clóvis, adoro o quanto as histórias mexem de maneira diferente com as pessoas.
    Eu não gostei do segundo livro. Para mim ele foi uma cópia do primeiro e completamente desnecessário >< hahahaha

    ResponderExcluir
  14. Creio que o ideal seria ou 1 único livro denso (da grossura de 'Sob a Redoma') ou então encurtar de modo a deixar apenas 2 livros (não precisava aquele Cliffhanger no 'Em chamas' dava muito bem para emendar tudo. Mas com a moda da Trilogia fica muito difícil. rsrs ;)

    ResponderExcluir
  15. Adriana Macedo da Silva29 de julho de 2013 10:49

    Oi clovis adorei o primeiro, mas Em Chamas realmente não me agradou tanto. Então espero gostar muito do desfecho de Esperança. Desculpa mas não li sua resenha pois ja sei spoiler demais da historia kkk. Mas vpoto depois para ver sua opiniã. Poia este é meu proximo livro para ler. Bjs.

    ResponderExcluir
  16. Oi Adriana, espero realmente que você goste pois esse não me agradou tanto. Na verdade, a parte 'Comentários' não tem spoiler! kkk. Mas enfim, volte mesmo apara a gente discutir melhor. Beijos e boa leitura.

    ResponderExcluir
  17. Eu fiquei muito decepcionada com A Esperança :( O começo da história é meio entediante, achei umas mortes super desnecessárias e o final poderia ser melhor, e outras coisas. E fiquei uma hora chorando depois de virar a última página. A trilogia Jogos Vorazes foi a que mais despedaçou heuahuehauheuae :/

    ResponderExcluir
  18. Nem me fala Michele. A minha nota caiu demais desde o primeiro livro para cá. Mortes desnecessárias e o lenga-lenga todo da Katniss para ser resolvido somente no Epílogo do livro. Me chateou, mas a escrita da Suzanne é memorável!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...